FUNFARME Ambulatório Hemocentro Hospital de Base Reabilitação Lucy Montoro HCM webmail
FONE 17 3201-5000
São José do Rio Preto | SP

NOTÍCIAS

Já no primeiro dia, Fórum de Humanização supera expectativa e recebe mais que dobro do número de inscritos

02/09/15

O primeiro dia do ciclo de palestras do Fórum de Humanização, promovido pelo Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) da Funfarme recebeu um público acima da expectativa – 40 inscritos e 92 presentes. O encontro, realizado no anfiteatro do 3º andar do Hospital da Criança e Maternidade (HCM), teve seis palestras. Cada líder de setor falou das melhorias para pacientes, acompanhantes e colaboradores, que foram implantadas na instituição, com a cooperação do GTH, desde a criação do Grupo, em 2000.
O diretor executivo da Fundação, Dr. Horácio Ramalho, abriu a cerimônia do Fórum enfatizando que os trabalhos podem ser levados para além do complexo. “A principal pergunta é: o que podemos fazer além do que já fazemos dentro da nossa instituição? Temos de atuar também na sociedade e não humanizar apenas nossos serviços”, afirmou.
As atividades de humanização são essenciais nos cuidados aos pacientes, de acordo com Dr. Antonio Carlos Gusson, diretor do HCM. “Pessoas que recebem este tipo de tratamento apresentam uma visível melhora em sua recuperação. Portanto, devemos nos esmerar ainda mais na qualidade de serviço humanizado prestado”, ressaltou.
No segundo dia, o psicólogo Randolfo dos Santos Junior ministrou acerca de como superar as dificuldades do dia a dia e prestar, ainda sim, serviços humanizados. Randolfo frisou a atenção na comunicação entre os colaboradores, paciente e família, ação feita por grupos nas salas de espera. “É importante que o paciente sinta-se, desde seu primeiro contato, confortável e acolhido pela instituição, isto diminui sua ansiedade e torna o atendimento mais fácil”, comentou Radolfo.
 

O terceiro dia de encontro do Fórum de Humanização foi marcado pela apresentação das modificações nos ambientes e na forma de entretenimento e acolhimento aos pacientes e colaboradores, realizadas nos últimos anos na Fundação.

“São diversos os benefícios já implantados, como a biblioteca literária, com 4.408 obras, os grupos de entretenimento espelhados por todo o complexo e a padronização e organização dos moveis nos setores. Enfim, temos muito ainda a ser feito, mas podemos nos orgulhar do que já atingimos”, comentou a assistente social e uma das organizadoras do evento Ana Maria Ferreira.

Veja mais notícias

Fone: 17 3201-5000 Av. Brigadeiro Faria Lima, 5544
15090-000 - São José do Rio Preto - SP
Hospital de Base © 2004 . 2015 - Todos Direitos Reservados
CRIAÇÃO DE SITES W3 MÍDIA